TV SINDSPEN
Quinta-feira, 28 de Novembro de 2019, 15h:24

Agente Penitenciário conclui Curso de Operações Táticas da PJC

Gizele Carvalho / Sindspen-MT

Reprodução

O agente penitenciário Glauben Pereira Alves concluiu os 71 dias do Curso de Operações Táticas Especiais (COTE), aplicado pela Polícia Judiciária Civil (PJC). O agente é lotado na Penitenciária de Água Boa e foi o primeiro servidor penitenciário do Estado a concluir esse curso. Entre 21 alunos matriculados apenas 10 conseguiram finalizar o curso.
O curso tem por finalidade promover a formação de operadores táticos especiais, técnicas de abordagem policial, buscas e apreensões e formar operadores táticos para que as técnicas possam ser utilizadas na sua respectiva unidade ou instituição.
“Me sinto orgulhoso em ter conseguido concluir esse curso de extrema importância, isso vai agregar e muito para minha carreira e também para o Estado, olhar para trás e ver que consegui é satisfatório, pois foi um curso muito intenso, para mim é uma honra poder representar o Estado sendo o primeiro agente penitenciário a ter essa capacitação”.

Reprodução

Glauben

 

O Cote teve várias etapas e algumas foram realizadas dentro do Estado e outas fora como, por exemplo, em Cáceres, Porto Esperidião e Brasília. Para Glauben foi uma experiência incrível e isso se dá devido ao apoio dos colegas de farda, a sua família e ao Sindspen. “Agradeço ao Sindicato que meu proporcionou um apoio logístico foi por meio desse apoio que consegui concluir esse curso, agradeço também a ajuda dos meus camaradas e dos meus familiares”, disse.
A presidente em substituição do Sindicato dos Servidores Penitenciários, Jacira Maria da Costa parabenizou o servidor. “É uma alegria para o sistema ver que a servidor tem se destacado dentro e fora do Estado e representando a nossa categoria parabenizo o Glauben Pereira pela iniciativa de realizar o curso e por estar sempre em busca de capacitações”, enfatizou.

Assessoria Sindspen/MT

 

Comentários









COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.