Pautas
Segunda-feira, 15 de Julho de 2019, 12h:38

Pauta Estadual

Em reunião com deputado, representantes do Sindspen reforçam pedido de auxilio alimentação para a categoria

Assessoria de Imprensa Sindspen/MT
imprensasindspenmt@gmail.com

Assessoria do Gabinete

O Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso (Sindspen-MT),  em reunião com o deputado estadual João Batista (Pros), solicitou ao parlamentar que  reforça-se  junto ao Governador do Estado, Mauro Mendes (DEM) e o secretário de Estado e Segurança Pública, Alexandre Bustamante a necessidade de disponibilizar o auxílio alimentação aos servidores do sistema penitenciário de Mato Grosso.  

O pedido de reforço foi feito pelo deputado, referente ao (Oficio.015/2019) realizado em fevereiro de 2019 pelo Sindspen. O processo solicita o auxílio com intuito de melhoria na qualidade alimentar e nutricional dos servidores.  

A presidente em Substituição do Sindspen, Jacira Maria da Costa que defende a qualidade de vida dos profissionais, e exige que o Estado regularize essa situação, para levar aos servidores uma alimentação saudável e equilibrada que garantirá a eles uma satisfação e motivação nas tarefas realizadas. Evitando também, que os agentes adoeçam por alimentação inadequada. “Muitos servidores já tiram de seu bolso para comprar o fardamento e é injusto mais um gasto, tendo em vista, que alimentação e fardamento são obrigação da gestão e o governo precisa acordar para isso e  investir na qualidade dos seus servidores”, frisa.    

O oficio solicita que o auxílio seja concedido e que tenha caráter indenizatório, não se incorporando ao vencimento, remuneração, subsídio para qualquer efeito e sobre o qual não incide imposto de renda.    

“A solicitação é uma reivindicação antiga e deixamos claro que a categoria nunca recebeu nenhum tipo de auxílio alimentação”, pontua Jacira.        

Em anexo se encontra a cópia do documento protocolado na Sesp/MT

Anexos:

Comentários









COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.