Cuiabá, 11 de Dezembro de 2018
Sindspen-MT

Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso

}

Segunda-Feira, 03 de Dezembro de 2018, 19h:45

Tamanho do texto A - A+

Sindspen lamenta assassinato de trabalhador penitenciário em motim no Comaj-AM

Por: Assessoria de Imprensa Sindspen/MT

O Sindicato dos Servidores Penitenciários de Mato Grosso (Sindspen/MT) lamenta o homicídio de um trabalhador contratado do sistema prisional de Manaus-AM, que aconteceu no último sábado (01/12), durante motim no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj).

A unidade penal Anísio Jobim é administrada por uma empresa terceirizada, e tem protagonizado diversas rebeliões e fugas, o caso mais assustador foi o massacre ocorrido em 2017, onde foi registrado a morte de 60 pessoas e mais de 130 foragidos.

O Governador eleito Mauro Mendes fez algumas declarações em que cogitou terceirizar o Sistema Penitenciário de Mato Grosso, “já podemos comprovar diante de inúmeros fatos negativos que tal decisão não será viável para atender as necessidades do ambiente penitenciário, visto que para exercer a função de agente penitenciário é necessário preparação e treinamento contínuo”, pontuou o Presidente do Sindpen/MT, João Batista.

A Diretoria do Sindspen presta condolências à família e amigos da vítima, que passam por esse momento de dor e profunda tristeza, e deixa claro que lutará contra a terceirização do Sispen-MT, para evitar que tragédias como essa aconteçam no nosso estado.

Permutas
Publicações
WhatsApp Image rotam.jpeg
Data: 2018-08-17 11:58:25
Arquivo: jpeg

pdf-porte de armas.pdf
Data: 2016-08-22 08:57:01
Arquivo: pdf

pdf-sample (1).pdf
Data: 2015-08-15 16:06:46
Arquivo: pdf