Imprensa
Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2019, 11h:05

PCE - Operação resulta em apreensão de drogas e vários materiais ilícitos

Operação na maior unidade penal de Mato Grosso, a Penitenciária Central do Estado (PCE), resultou na apreensão de aparelhos celulares e drogas e outros materiais ilícitos.

Assessoria de Imprensa Sindspen/MT

Uma operação que envolveu equipe de contenção da PCE, Diretoria de Inteligência Penitenciária, Setor de Operações Especializadas (SOE), Grupo de Intervenção Rápida (GIR), foi realizada no inicio da tarde de ontem (11.02), na penitenciária Central do Estado (PCE), onde foram apreendidos vários itens que estavam em poder dos recuperando, entre eles aparelhos celulares, chips para celulares, chuço, faca. 

De acordo com informações, os objetos foram apreendidos após a direção da unidade, receber informação da inteligência da Policia Militar (PM), de que havia entrado uma grande carga de celular e drogas na unidade onde o diretor da PCE, Revétrio Francisco entrou em contato com o superintendente que acionou os grupos de operação especial e junto com a contenção realizaram esse excelente trabalho, retirando esses objetos proibidos das dependências da penitenciária.  Revétrio disse que esses celulares seriam usados para golpes no OLX, para mandar matar e roubar dentro da cidade. “Cada operação dessa é de importância para a sociedade, pois cada vez que retiramos esses celulares de circulação dentro da unidade, há uma quebra no crime organizado, quebra a correria que eles estão fazendo na rua, deixando a sociedade mais tranquila, Esse é o trabalho do servidor do sispen, oportunizar a sociedade um ambiente externo mais seguro”, disse.  

A presidente em substituição do Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso (Sindspen-MT), disse que os servidores do  Sistema Penitenciário estão sempre aprimorando o trabalho realizado durante as operações e que a equipe  está de parabéns pelo saldo positivo dessa ação, sempre atentos e disponíveis para executarem suas funções com  responsabilidade e perfeição.  “Saíram de rota, vários objetos proibidos nas unidades, objetos esses que iriam ser utilizados para comandar o crime do lado de fora e graças ao trabalho da operação especial e equipe de contenção, trabalho esse que tem feito à diferença, esses produtos foram retirados do âmbito penitenciário e isso tem que ser parabenizado, os nossos servidores estão de parabéns pela excelência do serviço prestado, que mesmo nesse momento de crise, continuam prestando seus trabalhos”, pontuou Jacira.  

Comentários









COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.