Imprensa
Segunda-feira, 13 de Maio de 2019, 08h:48

Aripuanã

Diretores do Sindspen-MT participam de reunião com servidores de Aripuanã e parlamentares da cidade

Assessoria de Imprensa Sindspen/MT
imprensasindspenmt@gmail.com

Assessoria Sindspen-MT

Em busca de solução para a situação da Cadeia Publica de Aripuanã, os diretores, Jacira Maria da Costa Silva (Presidente) e Antônio Júlio Rodrigues (Secretário Geral), foram até a cidade em busca de alternativas para que seja reaberto a unidade prisional.

Conforme Jacira, o deslocamento até Aripuanã primeiramente foi para levar uma palavra amiga e apoio aos servidores que abruptamente tiveram essa falta de consideração/respeito por parte do governo, com o fechamento da unidade, sem que fossem levadas em consideração as particularidades da cidade e de tudo que vem sendo desenvolvido da reintegração social do apenado que é uma das finalidades da LEP, a qual o servidor penitenciário está capacitado a trabalhar. 

Assessoria Sindspen-MT

Reunião com autoridades em  Aripuanã

 Reunião com servidores em Aripuanã-MT

Reunidos com os servidores, a presidente repassou sobre a reunião que aconteceu em Cuiabá, onde esteve presente uma comissão de servidores e o Prefeito da Cidade e o govenador se apresentou sensível a situação dos servidores. “Foi um momento produtivo, repassamos aos servidores sobre a reunião que aconteceu em Cuiabá entre Governador e a comitiva de Aripuanã, a disponibilidade do governador em buscar uma forma de solucionar o problema”.

Como encaminhamento da reunião com os servidores, foi aprovado à criação de um documento solicitando ao Presidente da Câmara Municipal da cidade uma audiência publica para debater com a sociedade o impacto que o fechamento da cadeia irá causar.

“Contamos com o apoio do agente penitenciário e ex-vereador da cidade, Claudiney Gonçalves que entrou em contato com o partido a qual ele é filiado e pediu para agendar uma reunião com os vereadores e alguns segmentos ligados, após a reunião saímos com a data da audiência agendada para o dia 31 de maio”, pontua Jacira. 

Assessoria Sindspen-MT

Reunião com autoridades em  Aripuanã

 Reunião na Câmara de Municipal

Conforme a presidente ainda nessa data, o vice-governador, Otaviano Piveta estará na cidade juntamente com a Presidente da Assembleia Legislativa, Janaina Riva, deputado Max Russi. “Iremos estender o convite via Câmara, aos deputados: João Batista, Eliseu Nascimento e Claudinei que faz parte das foças da segurança pública, para que venham participar e onde o vice-governador estará dando a resposta sobre o destino da unidade”, pontua.

Ainda como encaminhamento uma grande mobilização de toda a sociedade local será realizada para que possam estar ouvindo o posicionamento do governador sobre a situação da unidade.

“A população aripuanense tem um sentimento diferenciado pelo governador e foi muito bem votado na região. A população acredita que o governador Mauro Mendes tem um olhar mais carinhoso e próximo da cidade, pois os munícipes depositaram votos de confiança. Não que eles estejam colocando o governador no paredão por esse voto, mais sim porque todos conhecem as particularidades que envolvem a situação, que tem recebido um fluxo migratório de pessoas vindo de outras localidades em busca do sonho de enriquecimento por meio do garimpo local, inclusive clandestinos, o que eleva a criminalidade”.

Conforme ainda a presidente, as forças da segurança não estão conseguindo combater a crescente criminalidade, devido o baixo efetivo tanto da policia civil, como também da policia militar que tem um numero pequeno para combater a migração desproporcional dessas pessoas.

Assessoria Sindspen-MT

Reunião com autoridades em  Aripuanã

 


 

“Existe também o lado social que o conselho da comunidade, onde tem sido feito um grande investimento e a mão de obra do reeducando tem ajudado muito na remissão e com isso o número é flutuante dentro da unidade que não condiz com os 39 que eram sentenciados e é o numero exposto pelo governo”, finalizou Jacira.

Comentários









COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.