Imprensa
Sábado, 09 de Fevereiro de 2019, 19h:24

Alto Araguaia

Agentes impedem entrada de celular na cadeia de Alto Araguaia

Foi apreendido um celular e carregador dentro de pacote de bolacha.

No inicio da tarde de hoje, 09, agentes penitenciários de plantão na Cadeia Pública de Alto Araguia-MT, evitaram a entrada de  pacotes de bolacha de sal que continham aparelho eletrônico, objeto proibido em unidades penal. Conforme os plantonistas, o objeto seria entregue a um detento daquela unidade. 

Os Agentes fizeram a revista no pacote e desconfiaram que algo estivesse errado e resolveram abrir para conferir. Ao separar as bolachas, encontraram um aparelho de telefone celular e um carregador, envoltos e colados nas bolachas. Por volta das 13h, conforme boletim de ocorrência, a plantonista relata que o acusado chegou na unidade com um saco plástico transparente, alegando ser bolacha, a sacola estava amarada e conforme o BO a agente pediu para desfazer o nó enquanto ela  abria as outras sacolas, foi então que o acusado ficou enrolando e a agente então resolveu abrir ela mesma e encontrou o aparelho celular e o carregador, cada um escondido em uma  sacola, envolto as bolachas bem colada, de forma de que se não abrisse as sacolas passaria despercebido e consequente chegaria em seu destino final, a cela da unidade. 

Ainda segundo o boletim de ocorrência, o acusado relatou não saber  que havia um celular dentro do pacote de bolacha, já que uma mulher loira chamada Rafaela, levou as bolachas em sua residência e pediu que levasse na cadeia, prometendo pagar R$ 40  pelo serviço. O acusado foi conduzido ao CISC para procedimento de praxe. 

A  presidente, em substituição,  do Sindicato dos servidores penitenciários de Mato Grosso- Sindspen/MT, Jacira Maria da Costa, parabeniza a ação dos agentes que estavam de plantão pelo comprometimento com o trabalho que evitou a entrada desse aparelho na unidade, que certamente seria utilizado para comandar crimes de dentro da cadeia. 

Comentários









COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.