Cuiabá, 10 de Dezembro de 2018
Sindspen-MT

Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso

}

Segunda-Feira, 01 de Outubro de 2018, 16h:14

Tamanho do texto A - A+

Agente Penitenciário é Nomeado Coordenador do Grupo de Intervenção Rápida (GIR) em Cerimonia de Encerramento do Curso de Intervenção Rápida (CIR)

Denpen/MT finaliza com sucesso mais um curso de Qualificação.

Por: Assessoria Sindspen - MT

Em cerimônia de encerramento do 1º Curso de Intervenção Rápida do Estado de Mato Grosso (CIR/MT), o servidor Agno Ramos, o 01 do GIR no Estado, foi homenageado em reconhecimento aos serviços prestados ao Sistema Penitenciário de Mato Grosso. Na ocasião o secretário de Justiça e Direitos Humanos assinou a portaria que o nomeou como coordenador do GIR. No evento estiveram presentes várias autoridades além dos 28 formandos do Curso de Intervenção Rápida.

O curso teve a duração de dezoito dias compreendendo o período de 11/09 a 28/09 com carga horária de 160 horas. O curso teve 55 inscrições sendo que 39 Servidores conseguiram passar no Teste de Aptidão Física, sendo que os que se apresentaram para participar foram 28 alunos de Unidades de Mato Grosso, 04 do Estado de Goiás e 01 do Tocantins. Sendo assim o curso foi iniciado com o total de 33 alunos.

O Gir do Estado de Mato Grosso foi inspirado no GIR do Estado de São Paulo. A partir da iniciativa do Agente Penitenciário Agno Ramos que buscou qualificação em Brasília na Diretoria de Operações Penitenciárias Especiais e trouxe para o Sistema Penitenciário de Mato Grosso o seu sonho e a vontade de multiplicar todo o conhecimento recebido.

Empenhado em construir um sistema melhor Agno buscou parcerias e formou 05 edições do Curso de Intervenção Rápida não vinculada ao Estado-MT. Após essas qualificações o Sistema Penitenciário já contava com vários Servidores Penitenciários qualificados a partir do conhecimento de Agno, além de incentivá-los a buscar conhecimento em outros Estados.

O resultado de tanto empenho foi à convocação do Estado para a realização de Grandes Operações nas Unidades do Estado, dentre elas a Penitenciária Central do Estado, com a operação Legalidade.

Agno conta que não foi fácil até conseguir o reconhecimento e a legalização, "enfrentamos muitas dificuldades e tivemos muitas vezes que bater de frente até com o pessoal do alto escalão, que pouco entendia do Sistema Penitenciário, mas, senão fosse assim não teríamos conseguido" desabafa Ramos.

Agno reconhece que muita coisa mudou nos últimos anos do sistema. Os servidores passaram a ser mais valorizados e a nossa gestão passou a ser composta por profissionais que entendem realmente o que significa o Sistema Penitenciário, "Agora a pasta da administração Penitenciária não é mais cargo político, e isso contribuiu para o crescimento da carreira".

O "01" como é carinhosamente reconhecido pelos servidores penitenciários, ainda pontua que recebeu do Dr. Fausto José de Freitas, atual secretário de Justiça e Direitos Humanos e do Adjunto de Administração Penitenciárias Emanoel Flores, bem como dos superintendentes todo o apoio para a concretização desse sonho, agora não mais apenas de fato, mas, de direito. Além disso, Ramos destacou o excelente trabalho prestado pela Diretoria de Ensino Penitenciário. "Fomos convidado por um profissional extremamente competente como é o Anderson e aceitamos o desafio", afirmou Ramos.

Além disso, Ramos fez questão de reconhecer a colaboração de vários diretores de unidades, onde parte do curso foi ministrado, além de alguns deles como é o caso de Jaílson (diretor da unidade de Barra do Garças) e João Batista Borba (Diretor da unidade de Sinop) também serem instrutores voluntários no Curso, juntamente com outros profissionais, como por exemplo, o enfermeiro e o restante dos instrutores que também são voluntários.

Para Jaílson, instrutor do curso e diretor da unidade de Barra do Garças, repassar o conhecimento para os colegas é gratificante. "estar ali multiplicando conhecimentos é de grande valia, pois cremos que estamos correspondendo ao empenho, de quem está a frente do Grupo, como a coordenação e a direção da Escola, quanto dos alunos que resistem até o final" comenta o instrutor.

O aluno Israel salienta que esse curso é extremamente importante, pois possibilita aprender novas metodologias e novas técnicas, "é o primeiro curso especializado que faço e o que tenho a dizer que temos instrutores altamente técnicos e os conhecimentos ofertados atendem não só os profissionais do sistema, mas, a comunidade como um todo" explica o aluno 05 do Curso.

A regulamentação do Gir foi feita através da portaria n. 094/2014/GAB/SEJUDH/SAAP de 17 de novembro de 2014, mas foi com a instrução normativa 05/2018/SEJUDH-MT de 09 de maio de 2018, que foi regulamentada as suas atribuições, atividades e formas de acesso ao GIR. "A gestão que está hoje está contribuindo muito para o nosso engrandecimento como profissionais", pontua Ramos.

Durante a cerimônia várias autoridades foram homenageadas, dentre os homenageados o Presidente do Sindspen-MT Amauri Paixão, fez questão de parabenizar aos formandos e leu um lindo texto de sua autoria, onde falava da grandeza, da resiliência, da resistência dos que chegaram até aquele momento. Amauri destacou o trabalho em conjunto dos servidores voluntários, Denpen e dos alunos que se esforçaram deixando seus lares para buscar mais qualificação para servir. "Todos estão de parabéns, esse trabalho que está sendo feito pela escola e parceria é louvável" Afirmou o presidente interino do Sindspen-MT.

Também foram homenageadas as três alunas que resistiram até o fim do curso, o reconhecimento se deu devido às exigências feitas a elas que foram as mesmas que os homens se submeteram, e elas tiveram êxito, além de se destacarem pela perseverança e superação.

De acordo com a aluna Telma lotada na Penitenciária Major Zuzi Alves do município de Água Boa-MT, "A fragilidade feminina ou ainda a diferença de força física não foram empecilhos para que nós continuássemos a resistir e o que mais me motivava era ver que aquele sol que eu estava enfrentando embaixo de um calor de 40 graus, eles (os instrutores) também estavam lá, então eu pensava eles estão se doando então o mínimo que posso fazer é me doar também" afirmou orgulhosa a aluna.

O aluno Juliano Nunes que veio do estado de Goiás, membro do Grupo de Operações Especiais do seu Estado disse que jamais havia participado de um curso tão específico e que fosse tão capaz de responder as demandas do universo carcerário quanto este. "O curso em si demonstrou uma surpresa foi diferente de todos os outros cursos que eu já fiz, tanto em quantidade como em intensidade das matérias ofertadas no curso. Foi impressionante a forma como o sistema prisional daqui de Mato Grosso conseguiu responder todas as questões e os problemas penitenciários. Foi incrível conhecer um pouco disso,  conhecer um pouco da pessoa por trás disso" complementou Juliano.

Em sua fala o Secretário de Justiça e Direitos Humanos Fausto José de Freitas, além de elogiar o trabalho prestado ele fez questão de frisar que o Sindspen-MT é um parceiro de sua gestão e reconheceu que todas as cobranças que partem do Sindspen-MT são importantes para o trabalho da gestão e que visa a melhoria dos Serviços prestados. "Eu sinto um grande orgulho de ser o Secretário da pasta de Justiça e Direitos Humanos, sobretudo do Sistema Penitenciário,  porque os profissionais demonstram muita vontade em prestar serviços de excelência no combate a criminalidade". declarou o Secretário.

O Secretário adjunto de Administração Penitenciária Emanoel Flores, agradeceu a todos pelo empenho e também ao secretário por ter participado de todos os eventos demandados pelo Sistema Penitenciário. "Agradeço o Secretário Fausto pela parceria e pela dedicação com que tem conduzido as demandas do Sistema Penitenciário". Exclamou Flores.

A Diretoria do Sindspen agradece o convite para acompanhar de perto as etapas do curso, bem como parabeniza aos envolvidos pelo sucesso e deseja que venham outros como esse. "Parabenizamos ao Agno pela perseverança e sabemos que o seu esforço somados aos esforços do nosso sindicato é que fazem o diferencial no crescimento da nossa categoria" Afirmou a Diretora de Mobilização, divulgação e imprensa do Sindspen, Josi Muniz.

Permutas
Publicações
WhatsApp Image rotam.jpeg
Data: 2018-08-17 11:58:25
Arquivo: jpeg

pdf-porte de armas.pdf
Data: 2016-08-22 08:57:01
Arquivo: pdf

pdf-sample (1).pdf
Data: 2015-08-15 16:06:46
Arquivo: pdf